crescercomcristo

Just another WordPress.com site

Caçadores de Revelação

revelacao2

“Acerca dos dons espirituais, não quero, irmãos, que sejais ignorantes.”  I Coríntios 12:1

O caminho é longo e talvez seja por isso que muitos se perdem no meio da jornada. Hoje vou falar sobre os caçadores de revelação. Pessoas que saem em busca de revelação, realizando verdadeiras peregrinações nas igrejas em busca de uma profecia, uma palavra reveladora que dê fim ao problema que estão passando.

O número de bíblias  editadas, impressas e distribuídas no Brasil aumenta cada vez mais, mas as pessoas parecem não ler. Talvez as deixem abertas sobre algum móvel no Salmo 91 , como se isso lhes fosse servir de escudo, ali aberta empoeirando, sem ser lida. Conhecem as letras das músicas, mas não conhecem a Palavra. Não é incomum ouvir, digamos: “o pardal encontrou casa e a andorinha ninho para si, e eu encontrei teus altares Senhor, Rei meu e Deus meu…” e a pessoa dizer “nossa que inspiração! que letra linda, quem fez recebeu de Deus mesmo!” É, recebeu quentinha direto do Salmos 84.  Muitos conhecem versículos chave e desconhecem o contexto e a profundidade, por isso perecem.

“Meu povo foi destruído por falta de conhecimento.” Oséias 4:6

O povo parece não estar disposto a se envolver, se comprometer com Deus, se doar. Vejo gente tratando a igreja como um fast food da fé, onde a pessoa vai para um alívio rápido, faz o pedido e quer receber na hora. como um hambúrguer, desses  feitos em grande escala, que mata a fome na hora mas, não sacia por muito tempo. Os caçadores de revelação preferem viver de profecia em profecia, mas não da Palavra. Se recebem uma profecia num domingo, pode ter certeza que no próximo domingo ele estará na fila da oração, perguntando ao pastor se tem algum recado de Deus para ele.

Os motivos para tal comportamento são vários: desespero, pressa para que o problema acabe e até mesmo igrejas mortas.

Os coxos parecem não estar mais à porta do templo, estão dentro e continuam coxos, mas agora esmolam revelação.

Falta ensinamento, orientação, falta ensinar o povo buscar à Deus e dar frutos, falta ser canal de bençãos. O povo recebe e pára por aí, não levam adiante, não querem ser instrumento.

PROFETAS, PROFECIAS E PROFETADAS

Quem nunca recebeu uma profetada levante a mão.  Se esse é o seu caso, infelizmente não é o meu. Já recebi várias e por isso hoje, quando me entregam alguma revelação, ouço, analiso e aguardo. Recebo sem restrições de selecionadas pessoas que conheço.

Sabe quando a igreja está em campanha, por exemplo: “Os 21 dias  de Daniel”, não sei porque mas parecem ter a tendência de entregar revelação dizendo que o problema tal acabará em 21 dias e que Deus falou e pronto.

Muitas vezes, Deus até falou que iria acabar com o determinado problema, mas a pessoa que entregou a revelação, interferiu e acrescentou a data.

“Assim diz o Soberano Senhor: Ai dos profetas tolos que seguem o seu próprio espírito e não viram nada!
Seus profetas, ó Israel, são como chacais no meio de ruínas.
Vocês não foram consertar as brechas do muro para a nação de Israel, para que ela pudesse resistir firme no combate do dia do Senhor.
Suas visões são falsas e suas adivinhações, mentira. Dizem “Palavra do Senhor”, quando o Senhor não os enviou; contudo, esperam que as suas palavras se cumpram.
Acaso vocês não tiveram visões falsas e não pronunciaram adivinhações mentirosas quando disseram “Palavra do Senhor”, sendo que eu não falei?
” ‘Portanto assim diz o Soberano Senhor: Por causa de suas palavras falsas e de suas visões mentirosas, estou contra vocês, palavra do Soberano Senhor.”    Ezequiel 13:3-8

Muito cuidado pastores, com quem você convida para pregar em sua igreja. Não pense: “Que bom, apareceu um irmãozinho aqui, que diz ser de tal igreja e tem revelação. Oba, hoje é meu dia de descanso, vou dar a oportunidade a ele e vou sentar e ouvir esse enviado do Senhor.” Se você não conhece a pessoa, não sabe quem é, de onde veio e o que pretende; então seja um pastor responsável e não entregue sua igreja a qualquer um, baseado apenas no que a pessoa diz ser.

“Mas o fulano falou em línguas na minha frente, rodopiou, fez “aviãozinho”, é totalmente reteté.” E daí? nem toda língua é de Deus, o inimigo é um imitador (ou você nunca viu uma pessoa possessa imitar o falar em línguas?) e quanto ao  “reteté”, nada complicado de se fingir.

Peça à Deus para lhe dar o dom de discernimento dos espíritos.

Os falsos profetas não são produtos do tempo atual, a bíblia nos fala sobre eles.

“Então o Senhor me disse: “É mentira o que os profetas estão profetizando em meu nome. Eu não os enviei nem lhes dei ordem nenhuma, nem falei com eles. Eles estão profetizando para vocês falsas visões, adivinhações inúteis e ilusões de suas próprias mentes”. Jeremias 14:14

“Pois aparecerão falsos cristos e falsos profetas que realizarão grandes sinais e maravilhas para, se possível, enganar até os eleitos.” mateus 24:24

“Cuidado com os falsos profetas. Eles vêm a vocês vestidos de peles de ovelhas, mas por dentro são lobos devoradores.” Mateus 7:15

“Amados, não creiam em qualquer espírito, mas examinem os espíritos para ver se eles procedem de Deus, porque muitos falsos profetas têm saído pelo mundo.” I João 4:1

“Se um mentiroso e enganador vier e disser: ‘Eu pregarei para vocês fartura de vinho e de bebida fermentada’, ele será o profeta deste povo!” Miquéias 2:11

É comum ouvir: “mais uma porta aberta, que benção!” Será mesmo? Depende, se aquele pastor abriu aquela porta porque queria ganhar dinheiro, porque saiu de outra igreja debaixo de rebeldia e causando divisão, porque tinha dons e achava que ia fazer sucesso e encher a igreja com facilidade graças ao seu carisma, você acha mesmo que isso pode ser benção pra alguém?

Não se pode abrir uma igreja como quem abre um comércio, isso só deve ser feito debaixo de uma ordem de Deus. Há pastores fazendo o que querem e por isso há igrejas mortas e ainda reclamam e amaldiçoam os membros de suas igrejas que buscam outras para serem alimentados na fé.

Vaso vazio não pode encher os outros vasos. a igreja precisa ser cheia do Espírito, mas isso só acontecerá se o líder estiver cheio a ponto de transbordar para os membros.  É muito comum ouvir pastores dizendo: “Jesus já pagou o preço, eu não preciso fazer nada”. Mas não é bem assim, se você não ora, não busca, não jejua e nem se quebranta, como Deus vai te usar?

Caro pastor(a), primeiro passa por você, então busque o avivamento, busque os dons sim, isso é de Deus e serve para o aperfeiçoamento da igreja.

Particularmente, não gosto de igrejas que se voltam para determinada área. Por exemplo: só cura, só finanças, só libertação ou só revelação.

Há igrejas com pouca oração e muita pregação, outras com pouca pregação e muita revelação, outras nenhuma revelação e assim por diante. Não adianta você só pregar e mandar o povo ir pra casa, muitos precisam ser curados, ser libertos, muitos estão oprimidos e até possessos. Sinceramente questiono se muitos desses que se preocupam mais com a roupa que vão usar do que com o que vão ministrar e que amaldiçoam os membros da igreja, se são realmente ungidos ou untados (untados mesmo, no mais barato óleo de fritar pastel), devido a tal falta de temor e amor.

Se você é pastor e não crê em Revelação (apesar de ser um dom dado pelo Espírito Santo a quem Ele quer), se não tem Revelação ou se já teve e não tem mais e já não é mais usado como antes, busque mais de Deus, Ele deseja te usar, te avivar. Se você tem visto membros de sua igreja irem procurar Revelação em outra igreja, não abra sua boca para amaldiçoar. Você pode falar, orientar, mas jamais amaldiçoar e impedir. Até mesmo porque você não sabe se não foi Deus quem mandou a pessoa ir até aquele lugar  para falar com ela alí naquele dia.

Querer uma vida regalada e não querer pagar o preço? Isso não existe. Pastor precisa estar disposto a pastorear ovelhas (ainda que sejam rebeldes, obedientes, teimosas, há ovelhas de todo tipo), não é tarefa fácil mas se Deus lhe chamou pra isso é porque Ele te capacitou.

É necessário uma constante busca, uma vida de oração. Peça a Deus mais autoridade, espiritualmente falando.  Autoridade vem como resultado de três fatores: consagração, oração e quebrantamento. O pastoreio requer sacrifícios sim, o pastor é mais exigido do que os membros. E ainda que você tenha dons, não vicie sua igreja em dons, a Palavra é essencial para não criar uma geração de pessoas rasas na fé, fracas na Palavra e que mal  podem caminhar pois estão sempre na dependência de revelação. Perecem por falta de conhecimento.

Se você é profeta, muito cuidado ao entregar a profecia, seja imparcial e não acrescente ou reduza nada do que Deus lhe disser. Não seja movido por suas emoções, não deixe o que sente ou conhece de alguém interferir no que você deve falar. Se nada lhe foi dito, então não invente revelação para dizer. Se fizer isso estará fora da Palavra. Sua responsabilidade com a profecia termina no momento em que você a entrega. Não é seu dever fazer a pessoa acreditar no que foi falado e muito menos praguejar contra quem duvida.

AOS CAÇADORES DE REVELAÇÃO

Irmão(ã) , entendo que o desespero e a necessidade urgente lhe deixe angustiado, entristecido,  mas não saia por aí caçando revelação, a não ser que Deus lhe mande ir até alguma igreja específica para lhe falar ali. Sim, isso é possível, se sua igreja estiver fria e o única milagre aí será cair neve, Deus pode lhe mandar a outra igreja para lhe falar.  Mas isso é em casos específicos, não é pra sair fazendo peregrinação de igreja em igreja para ver em qual lhe falam profecia. Não é da vontade do Pai que você seja um cristão consumista de revelação, que fique raso na palavra e caçando o alívio rápido.

PARE DE PROCURAR DEMONSTRAÇÕES DE PODER, DEUS QUER TE USAR PARA REALIZAR OS SINAIS. 

Essa história de gente querendo revelação toda hora já virou até piada no meio evangélico, há os que dizem “se você não trabalha na Kodak, não viva de revelação!”

Tem gente que vai à igreja, vê os pastores, obreiros, diáconos etc orando e expulsando demônios, libertando pessoas e fica achando que eles fazem isso por terem super-poderes. Amados, isso não é exclusividade de pastor, nem de obreiros, nem de qualquer cargo na igreja (o diabo não respeita nomenclatura de cargo; respeita unção, respeita autoridade espiritual). Você aceitou Jesus e tem uma vida reta diante de Deus? Então você pode e deve fazer isso e não é somente dentro da igreja, é na rua, no trabalho, em casa, no ônibus, no metrô. 

Se alguém vier até você precisando de uma palavra, uma oração, você tem autoridade pra isso. Jesus já te enviou há muito tempo, vai ficar aí parado por que?

“E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura.
Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado.
E estes sinais seguirão aos que crerem: Em meu nome expulsarão os demônios; falarão novas línguas;
Pegarão nas serpentes; e, se beberem alguma coisa mortífera, não lhes fará dano algum; e porão as mãos sobre os enfermos, e os curarão.”   Marcos 16:15-18

Busque os dons sim, busque ser usado por Deus, mas ENTENDA: DOM NÃO É SINAL DE MATURIDADE ESPIRITUAL. Uma pessoa amadurece espiritualmente quando tem atitudes iguais as de Cristo, pois devemos ser semelhantes à Ele.

Quando Jesus disse que  faríamos as obras que Ele fazia e ainda maiores, Ele não estava se referindo especificamente à dons, demonstração de poder, cura, milagres etc. Esse “obras” tem um significado muito mais amplo e inclui também a propagação do Evangelho, como se vê hoje. Até porque Evangelho não se resume à dons espirituais.

Se você ficar calado, como haverá propagação? Se viver só pedindo e caçando Revelação, que fruto dará? Pare de mendigar  profecia aos pastores nas redes sociais (isso acontece muito). Talvez Deus esteja em silêncio porque agora é a sua vez de falar, Ele quer ouvir algo de você. A palavra que precisa ser falada, a atitude que precisa ser tomada por você, cabe somente à você e não à Deus.

Se você recebeu uma profecia, não pare sua vida, enquanto espera acontecer. O fato de ainda não ter acontecido não quer dizer que seja falsa. 

Profecia não tem prazo de validade, na bíblia vemos profecias que já se cumpriram estão se cumprindo e outras que ainda vão se cumprir. 

Há um detalhe importante e quero que você compreenda, até para não se frustrar posteriormente. Outro dia, uma moça disse assim: “fui no monte e recebi uma profecia de que Deus vai me abençoar e que vou cursar uma faculdade, passei na rua e vi um cartaz colado no poste que dizia assim “ligue e comece a estudar nas melhores faculdades com bolsa de 100%”. O amigo dela respondeu: “Provavelmente você vai ter que fazer uma prova, e dependendo do resultado ganha a bolsa ou não.” Ela insistiu: “Mas lá só dizia que era pra ligar e ganhar a bolsa 100%, ninguém falou nada de prova.”

É óbvio que ela teria de fazer uma prova, mas por causa da revelação, ela quis entender que aquela seria a maneira de Deus para abençoá-la. Percebeu a confusão? Revelação entregue, interpretação errada.

Ninguém disse à ela como Deus a iria abençoar para cursar a faculdade, ninguém disse a maneira, mas ela concluiu que seria assim.

Irmãos, se Deus prometer uma carro a 5 pessoas, ainda que seja da mesma marca, modelo, ano e cor, não quer dizer que os 5 receberão da mesma maneira. Por exemplo: Um pode ganhar na promoção do supermercado, outro pode conseguir um bom desconto; outro vai perceber que pedir pizza todo dia e comer em restaurantes caros, está lhe engordando o corpo e emagrecendo a conta bancária e se economizar poderá comprar o carro. Outro vai ganhar o carro de um amigo e outro vai pagar em suaves prestações sem juros abusivos e de forma a não lhe pesar na renda familiar. Resultado: Os 5 receberam a mesma revelação, mas o carro veio de maneiras diferentes. Deixou de ser benção por isso? Claro que não, só não foi da forma que gostariam.

CONCLUSÃO:

Se você quer revelação: LEIA A BÍBLIA. Tudo que alí está é para você. Na igreja, tem revelação no louvor, na pregação, na oração, basta prestar atenção e abrir seu coração para ouvir Deus falar. Deus não fala de uma maneira só.

Jesus se entregou naquela cruz por nós, agora entregue-se mais ao Senhor. A vontade dEle é que você receba sim, mas que também seja benção nessa terra. A benção não pode parar em você.

Pare de correr atrás de revelação (receptor de bençãos) e passe a ser um canal (transmissor de bençãos).

Deus quer te usar!

No amor de Cristo

Ana Lucia Salles

Navegação de Post Único

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: