crescercomcristo

Just another WordPress.com site

De Volta ao Passado

“Nunca digas: Por que foram os dias passados melhores do que estes? Porque não provém da sabedoria esta pergunta.”
Eclesiastes 7:10

Relembrar o passado, os momentos bons e até os ruins, rever o velho álbum de fotos e até sentir saudade de algumas pessoas que passaram por nossa vida, nada disso é ruim desde que com moderação. Quando uma pessoa se torna saudosista demais, já começamos a ver o problema. Saudosista é a pessoa com tendência a superestimar o passado.

Ninguém pode caminhar olhando para trás e desejando o que passou, caso contrário não conseguirá avançar.

Ele, porém, demorava-se, e aqueles homens lhe pegaram pela mão, e pela mão de sua mulher e de suas duas filhas, sendo-lhe o SENHOR misericordioso, e tiraram-no, e puseram-no fora da cidade.

E aconteceu que, tirando-os fora, disse: Escapa-te por tua vida; não olhes para trás de ti, e não pares em toda esta campina; escapa lá para o monte, para que não pereças.” Gênesis 19:16-17

E a mulher de Ló olhou para trás e ficou convertida numa estátua de sal.Gênesis 19:26

Mesmo sabendo que a cidade seria destruída, Ló e sua família demoravam a sair até que foram pegos pela mão e tirados de lá. Foram advertidos a não olharem para trás quando estivessem saindo de Sodoma que seria destruída por causa do pecado. Ainda assim a mulher de Ló olhou para trás e se tornou uma estátua de sal. Ao invés de seguir em frente e salvar sua vida ela preferiu olhar para trás, realmente não se pode andar para a frente olhando para o que foi deixado no passado. Talvez ela tivesse curiosidade ou até mesmo saudade de sua vida em Sodoma e quisesse ver o que aconteceria a eles, quem sabe até pensando na possibilidade de voltar.

Muitas vezes quando o presente não agrada e não se tem perspectiva de futuro ou força e coragem para caminhar, a tendência é se voltar para o passado e começar a se lamentar.

E aproximando Faraó, os filhos de Israel levantaram seus olhos, e eis que os egípcios vinham atrás deles, e temeram muito; então os filhos de Israel clamaram ao SENHOR.

E disseram a Moisés: Não havia sepulcros no Egito, para nos tirar de lá, para que morramos neste deserto? Por que nos fizeste isto, fazendo-nos sair do Egito?

Não é esta a palavra que te falamos no Egito, dizendo: Deixa-nos, que sirvamos aos egípcios? Pois que melhor nos fora servir aos egípcios, do que morrermos no deserto.” Gênesis 14:10-12

 Lembramo-nos dos peixes que no Egito comíamos de graça; e dos pepinos, e dos melões, e dos porros, e das cebolas, e dos alhos.

Mas agora a nossa alma se seca; coisa nenhuma há senão este maná diante dos nossos olhos.”  Números 11:5-6

 Quando o povo de Israel saiu do Egito, mal apareceu a primeira dificuldade e já começaram a se lamentar. Apesar de já terem visto o poder de Deus ao libertá-los da escravidão, ao primeiro sinal de problema começaram a queixar-se.  Algum tempo depois, começaram a se lembrar da comida que comiam no Egito e reclamar do maná que Deus mandava todos os dias.  Depois de libertos, depois de verem o mar se abrir e passarem em seco, depois de alimentados por Deus (com o alimento ideal e na quantia certa para cada um); voltaram a ter saudade do Egito.

 Então disse o SENHOR a Moisés: Por que clamas a mim? Dize aos filhos de Israel que marchem.” Gênesis 14:15

 Quando Moisés clama ao Senhor, Deus diz para o povo marchar. Pois não era mais o momento de clamar e ficar ali parado, era para marcharem, avançarem.  Reclamação, choro e desejo de voltar, resultado: ESTAGNAÇÃO.

Quem tem saudade do Egito não alcança a terra prometida. Se você continuar olhando para o passado e pensando “ah, mas era tão bom, minha vida era bem melhor” “ah que saudade de quem eu era”, simplesmente vai ficar parado e não vai conquistar o que Deus te prometeu. Não vai conseguir ver que o melhor de Deus está por vir. Ainda que momentaneamente você esteja recebendo o maná, tenha em mente que não é isso que Deus te prometeu. Tenha calma e não se lamente por ter saído do Egito.

Deus prometeu ao povo uma terra de abundância, de leite e mel. O maná era só enquanto estivessem no deserto.  Nesse momento é hora de lembrar não do que passou, mas das promessas que o Senhor lhe fez. Lembrar que Ele é fiel para cumprir e que a terra prometida será alcançada.

Ao se recordar do passado, não fique melancólico com isso; o que passou foi bom para a época, hoje não seria igual. Nunca é igual, nem você é mais a mesma pessoa. É hora de alargar as estacas, crescer, conquistar coisas novas e avançar em todas as áreas da vida.

Quem se apega ao que passou, fica parado. A intenção do inimigo é exatamente essa, te paralisar, te fazer desistir de buscar a promessa.

 No livro de Salmos diz: “LEVANTAREI os meus olhos para os montes, de onde vem o meu socorro. O meu socorro vem do SENHOR que fez o céu e a terra.” Salmos 121:1-2

 O socorro vem do alto, não vem do passado, não vem do que ficou para trás. Deus não tem prazer em quem retrocede.

Irmãos, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado; mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim, prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus.”  Filipenses 3:13-14

 O que Paulo quer dizer nesse versículo da carta aos Filipenses é que ao esquecer as coisas que ficam para trás é que se avança e se prossegue para o alvo. Não é esquecer a ponto de apagar completamente da memória, não é isso. É esquecer no sentido de não ter apego ao passado, não querer de volta e não viver de lembranças. Deus tem o novo pra você, Ele quer te mostrar coisas que você não conhece, quer te renovar e te dar um novo modo de vida.

Que, quanto ao trato passado, vos despojeis do velho homem, que se corrompe pelas concupiscências do engano; e vos renoveis no espírito da vossa mente; e vos revistais do novo homem, que segundo Deus é criado em verdadeira justiça e santidade.” Efésios 4:22-24

 Querido leitor, se você estiver sendo alimentado pelo maná de Deus (e reclamando por isso), tire os olhos do passado de legumes do Egito. Foque as promessas, olhe para a terra de leite e mel.  Ainda que não esteja avistando os campos férteis da terra prometida, você sabe que ela existe e você chegará lá.  Deus quer que você marche, a ordem já foi dada. Abandone essa “máquina do tempo” mental e viva o presente, saiba que o maná é temporário mas a promessa é permanente.  Desejar o passado? Voltar atrás? Nem pensar. Só anda quem está disposto a mover os pés, só avança quem olha para frente e para Deus na expectativa de ver a promessa concretizada e viver o novo do Senhor.

Aquele que leva a preciosa semente, andando e chorando, voltará, sem dúvida, com alegria, trazendo consigo os seus molhos.”  Salmos 126:6

No Amor de Cristo

Ana Lucia Salles

Navegação de Post Único

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: