crescercomcristo

Just another WordPress.com site

Crescendo Na Fé

“Até que todos cheguemos à unidade da fé, e ao conhecimento do Filho de Deus, a homem perfeito, à medida da estatura completa de Cristo,
Para que não sejamos mais meninos inconstantes, levados em roda por todo o vento de doutrina, pelo engano dos homens que com astúcia enganam fraudulosamente.
Antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo”
Efésios 4:13-15

A maturidade que o versículo acima se refere não é no sentido de idade e sim de crescimento espiritual. Deus não quer que sejamos como meninos na fé, pois desde o ventre estamos num processo constante de crescimento (físico, psicológico etc). Quando aceitamos a Jesus, nascemos de novo e começa aí uma nova etapa de crescimento: o espiritual.  Humanamente falando, sabíamos quando éramos crianças que iríamos crescer e atingir a estatura de uma pessoa adulta, porque víamos pessoas adultas à nossa volta e pouco a pouco o crescimento físico e mental de todos nós ia crescendo até atingirmos uma determinada estatura. Na vida espiritual acontece o mesmo e temos à Cristo como exemplo daquele com quem devemos parecer.

Da mesma forma que ao longo dos anos você cresceu e deixou de ser uma criança, espiritualmente deve acontecer o mesmo.

“Porque, devendo já ser mestres pelo tempo, ainda necessitais de que se vos torne a ensinar quais sejam os primeiros rudimentos das palavras de Deus; e vos haveis feito tais que necessitais de leite, e não de sólido mantimento.
Porque qualquer que ainda se alimenta de leite não está experimentado na palavra da justiça, porque é menino.
Mas o mantimento sólido é para os perfeitos, os quais, em razão do costume, têm os sentidos exercitados para discernir tanto o bem como o mal.”
Hebreus 5:12-14

Quando você iniciou sua caminhada com Cristo, recebeu os primeiros ensinamentos (chamado de leite espiritual), mas à medida que avança na caminhada, também é necessário avançar na fé. Algo que vejo ser motivo de inconformismo de muitos cristãos é que “no começo era mais fácil”. Ouço muitos dizerem : “quando me converti era tudo mais fácil, agora já passado um tempo parece que ficou difícil”, “vejo os novos convertidos e pra eles tudo é fácil”. Isso acontece para que cresçamos.

O sonho de todo aluno é que não houvesse provas nas escolas para testá-lo e aprová-lo ou não ao ano letivo seguinte. O aluno talvez nem perceba, mas a cada ano letivo ele cresce um pouco mais, a cada prova que precisa estudar para alcançar boas notas, ele ultrapassa um obstáculo e ao final de cada ano e de cada série, aprende mais e se prepara para novos desafios. Sem passar pelas provas das séries básicas, ele não estaria apto a enfrentar desafios maiores como, por exemplo, uma faculdade mais adiante. A cada idade aprendemos a lidar com desafios psicológicos, emocionais, financeiros e assim por diante. Nenhum pai vai dar ao filho pequeno um alto valor para administrar, ele pode ir lhe dando alguns trocados para doces, miudezas e conforme a criança vai crescendo e se tornando adolescente, um jovem; o pai lhe aumenta a quantia para gastos um pouco maiores. Há um preparo para a próxima etapa, ninguém cresce pulando os degraus.

“Como crianças recém-nascidas, desejem de coração o leite espiritual puro, para que por meio dele cresçam para a salvação”
1 Pedro 2:2

Enquanto novo convertido, você foi recebendo o alimento básico para ir se fortalecendo na fé e se preparar para a próxima etapa. Mas ao longo do caminho o “leite espiritual” fica para os recém-nascidos na fé enquanto você vai receber alimento sólido. Nesse processo, há provas sim, afinal ninguém pode dizer que foi aprovado sem ter sido provado.  Uma corrida com obstáculos não poderia ser assim chamada se não tivesse obstáculos para os competidores saltarem.

Na vida espiritual, você vai descobrir que só cresce quem ultrapassa os obstáculos, quem vence as provas. As dificuldades podem até ir aumentando, mas a cada obstáculo você estará pronto e mais forte para enfrentar os problemas.

“Amplia o lugar da tua tenda, e estendam-se as cortinas das tuas habitações; não o impeças; alonga as tuas cordas, e fixa bem as tuas estacas.
Porque transbordarás para a direita e para a esquerda; e a tua descendência possuirá os gentios e fará que sejam habitadas as cidades assoladas.”
Isaías 54:2-3

Devemos crescer e alargar as estacas da tenda (tornar maior o espaço). Você não usa mais as mesmas roupas de quando era criança porque elas não servem mais, afinal você cresceu. Não entra mais na casa de boneca no quintal de casa, porque sua estatura já não lhe permite isso. Talvez tenha chorado no seu primeiro dia de aula na escola, anos mais tarde pode ter chorado pelo fim de um relacionamento e tempos depois por um problema no trabalho. Perceba que os motivos mudaram, que o que lhe causou o choro há anos atrás já não lhe causa hoje em dia, a vida é assim; em tudo se cresce. Mas ao longo da vida você foi crescendo e conquistando seu espaço e esse é um processo contínuo. Se você desejar continuar recebendo o “leite espiritual”, não receberá as bênçãos de quem avança.

“Bem-aventurado o homem que suporta a provação; porque, depois de aprovado, receberá a coroa da vida, que o Senhor prometeu aos que o amam.” 
Tiago 1:12

Crescer dói. Isso é uma verdade e por mais difícil que seja é necessário e é pra doer mesmo. Não é uma dor para destruição ou para te enfraquecer, é uma dor que faz crescer. É um processo de purificação da prata, passa pelo fogo sim e a deixa belíssima. Nem Jesus nos enganou, Ele mesmo nos disse que no mundo teríamos aflições, mas disse também que estaria conosco. Se você tem observado e até questionado à Deus sobre o porque dessa situação que está vivendo, porque está tão difícil enquanto outros são abençoados facilmente e às vezes até com uma simples atitude, quero lhe dizer algo, o que Deus quer daquela pessoa é diferente do que quer de você. Talvez aquela pessoa esteja ainda engatinhando na fé enquanto você já aprendeu a andar. O que Deus tem para aquela pessoa não é o mesmo que tem pra você. Entenda que você está passando por um processo de crescimento espiritual. Você aprendeu a crescer no seu físico, na sua mente, no seu conhecimento e se acostumou com a estagnação de sua vida, mas Deus está com essa situação, te impulsionando a crescer.

Só o que está morto não muda, não cresce mais. Enquanto tiver vida em você, Deus quer que você cresça. Se você só ficar dizendo à Deus: “Senhor mas tá doendo!” “Mas Senhor, eu estou cansado!” “Senhor eu não aguento mais”, você vai ficar parado e sentindo a dor da situação e não vai produzir frutos. Nem vai perceber que Deus não te livrou da cova dos leões porque Ele quer te mostrar a Glória dEle te livrando lá dentro da cova, fechando a boca e tornando mansos os famintos leões. Deus não te livrou da fornalha ardente porque as pessoas precisam ver Jesus caminhando com você no fogo e te ver saindo sem ser queimado. Tudo isso te faz crescer, lhe faz ter experiências com Deus e conhecer a Deus de uma forma diferente. Deus quer que você entenda que você DEPENDE dEle. Se as portas não tivessem sido fechadas, você teria consciência que depende de Deus? Se não fosse aquela provação, aquele problema em que o Senhor interferiu em seu favor, você reconheceria sua dependência do Pai?

O Senhor quer te levar a um nível mais profundo de intimidade com Ele. Só pode ser íntimo quem anda junto, quem conhece bem e tem experiências com Deus. Deus não pode te revelar coisas novas e profundas enquanto você não crescer espiritualmente. A bíblia diz que devemos ser como crianças, mas no sentido de que uma criança confia, acredita e é sincera no sentimento, não no sentido de conhecimento da Palavra.

Deus não pode lhe dar o grande enquanto você não estiver preparado. As provas, as lutas servem para provar sua fé, para saber em que sua fé está firmada e se você não seria daqueles citados na parábola do semeador, cuja semente cai sobre as pedras e logo o sol a seca (Os que estão sobre a pedra são os que, ouvindo a palavra, a recebem com alegria; mas estes não têm raiz, apenas crêem por algum tempo, mas NA HORA DA PROVAÇÃO SE DESVIAM. Lucas 8:13). A Palavra é comparada a uma semente e não é toa, é porque deve germinar dentro de você, crescer e atingir a estatura de uma grande árvore frutífera.

Ao avistar a luta, tire os olhos dela e olhe para o Pai, tendo a certeza que a tempestade pode até balançar o barco, mas não vai naufragar. À medida que se cresce, se ocupa outro espaço, um lugar cada vez maior. Você não será mais o mesmo e nem desejará ser. Quando uma pessoa faz o curso e recebe habilitação para dirigir, ela pode se considerar um bom motorista somente depois de enfrentar o trânsito intenso e uma estrada esburacada e sinuosa. Na vida espiritual acontece o mesmo.

Quando criança, você queria ser como os adultos, agora adulto (independente da idade), cresça no espírito e busque atingir a estatura de varão perfeito e ser como Cristo, nosso exemplo maior.

 “Amados, não estranheis a ardente provação que vem sobre vós para vos experimentar, como se coisa estranha vos acontecesse;
mas regozijai-vos por serdes participantes das aflições de Cristo; PARA QUE TAMBÉM NA REVELAÇÃO DA SUA GLÓRIA VOS REGOZIJEIS E EXULTEIS.”
1 Pedro 4:12-13

No Amor de Cristo

Ana Lucia Salles

Anúncios

Navegação de Post Único

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: